cuidados-com-a-cicatriz-apos-a-cirurgia-plastica
Dicas para uma boa cicatrização após a cirurgia plástica
13 de June de 2018
Como evitar queloides na cirurgia plástica
Como evitar queloides na cirurgia plástica?
10 de July de 2018
Mostrar todos

10 mitos e verdades sobre a lipoaspiração

10 mitos e verdades sobre a Lipoaspiração

Nem sempre as gorduras localizadas diminuem com dietas e exercícios. Algumas pessoas conseguem emagrecer e atingir o peso normal, porém, ainda mantém acúmulo de gordura. Para esses casos, a Lipoaspiração é o procedimento mais indicado para retirar a gordura localizada e promover a redução de medidas.

A Lipoaspiração é uma das cirurgias plásticas mais procuradas no Brasil e, apesar de ser “popular”, ainda existem muitas dúvidas a respeito do assunto. Por isso, listei abaixo as perguntas mais comuns que costumo ouvir dos pacientes para esclarecer mitos e verdades sobre a Lipoaspiraçã0.

1. Lipoaspiração deixa o abdômen flácido?

A Lipoaspiração pode deixar o abdômen flácido, principalmente em pacientes que já apresentam algum grau de flacidez antes da cirurgia. A pele é elástica e tem a capacidade de retrair devido a ação da elastina e do colágeno, mas nem sempre isso acontece devido a fatores genéticos, região do corpo e idade da paciente.

O volume aspirado também influencia, quanto maior o volume aspirado, menor a chance da pele acomodar ao novo contorno corporal. Por isso, não se pode garantir que a pele vai retrair após a lipoaspiração.

2. Lipo pode ser feita em clínica ou no consultório?

Geralmente os procedimentos chamados de minilipo, hidrolipo, lipo light, lipo fracionada, são realizados em consultório apenas sob anestesia local, sem sedação. O paciente permanece acordado acompanhando tudo.

São todos procedimentos tecnicamente iguais a lipoaspiração, porém como são realizados sob anestesia local e existe um limite de anestésico a ser usado, por isso, são realizados por regiões. Para maior segurança e conforto do paciente é sempre preferível realizar esses procedimentos em ambiente hospitalar.

3. Lipoaspiração serve para emagrecer?

A lipoaspiração não tem o objetivo de emagrecer, por isso, não é indicada para obesos. O objetivo da cirurgia é retirar gorduras localizadas melhorando o contorno corporal, geralmente regiões que dificilmente melhoram com dieta e atividade física.

4. Lipo com anestesia local é mais segura?

A anestesia local pode ser usada quando a região aspirada é pequena. Mas sempre é preferível associar sedação realizada pelo médico anestesista em hospital. Não se pode dizer que é mais segura.

5. Lipoaspiração e lipoescultura são a mesma coisa?

Na lipoescultura usamos a própria gordura aspirada da paciente como enxerto (lipoenxertia) para preencher outras regiões.

6. A lipoaspiração reduz celulites?  

Pode melhorar, mas não se pode garantir. Pacientes com graus mais avançados de celulite pode ser associada a subcisão, quando de uso cânulas semelhantes às de lipo, porém com a ponta em V, para liberar as aderências melhorando o aspecto dos furinhos, ou até enxertar a própria gordura da paciente nos furinhos.

7. Depois da lipo a pessoa nunca mais engorda na região do procedimento?

Mentira. A cirurgia não é emagrecedora. As células de gordura retiradas não se regeneram, não voltam. Mas as que não foram retiradas podem aumentar de tamanho e facilmente compensar a falta da outras. Por isso, é tão importante manter uma dieta equilibrada e atividades físicas com controle do peso.

8. A lipoaspiração é a única forma de retirar a gordura localizada?

É a maneira mais eficaz.

9. Lipoaspiracão deixa marcas?

Geralmente apenas pequenas cicatrizes no local de introdução das cânulas. Deve-se evitar exposição solar pelo período de, no mínimo, 3 meses para evitar manchas na pele. Após a lipoaspiração, em raros casos, pode ocorrer hiperpigmentação cutânea (manchas escuras na pele) cuja causa é multifatorial.

10. A lipoaspiração pode ser associada a outras cirurgias?

Sim, após a avaliação médica poderá ser indicada lipoaspiração associada a outros procedimentos como cirurgia nas mamas, abdominoplastia, cirurgia das coxas, braços, entre outros.

Comments are closed.

Compartilhe com um amigo(a)










Enviar